Prevenindo seu condomínio de incêndios

 

Prevenindo seu condomínio de incêndiosA prevenção ainda é a melhor saída para evitar incêndios, que podem provocar sérios prejuízos materiais e causar danos físicos às pessoas.

A maioria dos incêndios acontece devido a instalações elétricas precárias, vazamentos de gás e incidentes domésticos como panelas esquecidas sobre o fogão, uso inadequado de velas e pontas de cigarros acessas. Em condomínios, o fogo pode se propagar rapidamente para outras unidades, principalmente se os sistemas de segurança estiverem em desacordo com as normas.

Os síndicos precisam estar atentos e providenciar, periodicamente, a verificação dos equipamentos de combate a incêndios que variam de acordo com a altura e metragem quadrada do imóvel. Até três pavimentos ou 750 metros quadrados, as exigências são mínimas, tais como os extintores e central de gás.

DICAS DE PREVENÇÃO 

Prevenindo seu condomínio de incêndios

 1. Procure instalar equipamentos e sistemas de prevenção contra incêndios de qualidade e com profissionais habilitados que proporcionem segurança aos condôminos.

 2. Não espere por leis e obrigatoriedades para manter em condições de funcionamento os sistemas que promovem a segurança patrimonial e pessoal da edificação. Prevenir significa salvar vidas e economizar

 3. Verifique no site do Corpo de Bombeiros os equipamentos exigidos ao seu condomínio

 4. Invista no treinamento de seus funcionários. Capacite-os a atuar preventivamente e tenha sempre uma equipe treinada para ações de emergência.

 5.  Siga as normas de segurança previstas pela ABNT e INMETRO e realize a manutenção periódica dos equipamentos.

6. Aprenda a usar os extintores de incêndio e conheça os locais onde esses e outros equipamentos de proteção estão instalados. Conserve-os sempre em condições de uso.

 7. Oriente os condôminos a desligarem a chave geral de luz quando a unidade ficar desabitada por muito tempo.

 8. Deixe os números de emergência do Corpo de Bombeiros, SAMU e Polícia Militar em local visível e de fácil acesso aos funcionários.

 9. Tenha uma agenda com os números telefônicos das residências de todos os moradores para situações de emergência.

Fonte: seucondominio